Notícias

02/03/2024 04/03/2024 09h40m

Prefeitura entrega prédio revitalizado que será a sede da Associação Bem Viver, no Bairro Nonoai


Instituição filantrópica atende pessoas com Síndrome de Down e tem permissão de uso do local por cinco anos

Após 23 anos de trabalho sem sede própria, a Associação Bem Viver agora tem permissão para atender em um prédio da Prefeitura, por cinco anos. O termo de permissão de uso foi assinado neste sábado (2), na Praça Marechal Osvino Ferreira Alves, Bairro Nonoai, local onde fica a edificação do Executivo Municipal e que acabou de passar por reforma. A instituição será responsável pela manutenção do prédio pelo prazo contratual, que poderá ser prorrogado.

“Estamos aqui em uma demonstração de amor e de carinho, pois o trabalho feito pela Bem Viver é grande e merece ser reconhecido. Tínhamos aqui um prédio interditado, que era risco para a comunidade e a associação precisava de um lugar. Então, fizemos a reforma do lugar e agora estamos ajudando a transformar um sonho em realidade, que é a sede da Associação Bem Viver. São muitas pessoas para agradecer. E deixo aqui meu sincero desejo de bom uso deste local”, destacou o prefeito Jorge Pozzobom.

O vice-prefeito Rodrigo Decimo reforçou que a entrega do prédio reformado e a assinatura do termo de uso do espaço é um grande ganho para a cidade.

“Nosso trabalho é cuidar da cidade e o prédio que estava aqui interditado não nos beneficiava em nada. Só apresentava risco à comunidade. Por outro lado, temos a Associação Bem Viver, que precisa de um lugar e se revezava nas casas de mães e responsáveis dos atendidos para conseguir fazer as ações do grupo. Pois bem, agora comemoramos um prédio revitalizado, que é a nova sede da associação. Espero, na verdade eu sei, que vocês farão bom uso deste local. Aproveitem”, assinalou Decimo.

A presidente da instituição, Lilia Farret, pontuou que há mais de 20 anos a Bem Viver atende pessoas com Síndrome de Down, mas que o trabalho é muito maior.

“Nós prestamos apoio às famílias também, contamos com voluntários de diversas especialidades para ajudar pais, mães, familiares e os nossos atendidos. Fazíamos um rodízio de casas, nos reuníamos em praças e parques para conseguirmos atender a todos. Agora, nesta explosão de sentimentos, de alegria de sonho realizado, digo a todos: bem-vindos à nossa sede”, concluiu Lilia.

O PRÉDIO

Antes da reforma, o Executivo Municipal contatou instituições filantrópicas para a cedência de uso do espaço. Das contatadas, a Associação Bem Viver foi a que aceitou os termos para uso do espaço.

Por tratar-se de prédio da Prefeitura, o investimento foi feito com recurso próprio no valor de R$ 382.823,48, sendo R$ 143.501,03 referentes à mão de obra e R$ 239.322,45 referentes a materiais. O prazo de execução do serviço foi de 180 dias e uma empresa foi licitada para a reforma da edificação.

A revitalização contou com construção de novas paredes, troca de azulejos dos sanitários, revestimento do piso, instalação de novas janelas, pavimentação externa com acessibilidade e piso tátil, entre outros reparos. Também foram feitos serviços de hidrossanitário e elétrico.

A Associação Bem Viver tem permissão para utilizar o local por cinco anos, com possibilidade de prorrogar o prazo. Enquanto ocupar o espaço, a associação fica responsável pela manutenção do prédio.

A ASSOCIAÇÃO

Fundada em junho de 2000, a instituição filantrópica tem cadastro de mais de 160 pessoas com Síndrome de Down. O objetivo é prestar apoio aos associados e seus familiares a partir de serviços de psicologia, fonoaudiologia, terapia ocupacional e outros. Todos os profissionais que atuam na Bem Viver são voluntários.

Conforme a presidente da Associação Bem Viver, Lilia Farret, o foco agora é a instalação na sede e atendimento dos associados já registrado. Contudo, a diretoria aceita novos cadastros, para que os atendimentos comecem assim que possível. O contato pode ser pelo Facebook ou Instagram da associação, ou pelo WhatsApp (55) 99159-2979.

A assinatura da Permissão de Uso e a entrega do prédio contaram com shows da Banda da Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Sargentos (EsFAS) Santa Maria, sob regência do sargento Jeferson dos Santos, e da Janu Uberti. A solenidade também foi acompanhada pelo chefe interino do Gabinete do Prefeito, Carlos Vianna; pela secretária adjunta de Elaboração de Projetos e Captação de Recursos, Jéssica de Senne.

Também estavam presentes a fundadora e primeira presidente da Associação Bem Viver, Luciane Smeha; a atual presidente da instituição, Lilia Farret; o vice-presidente da Federação Brasileira de Associações de Síndrome de Down, Vicente Fiorentini; e a engenheira  da Prefeitura e fiscal da obra, Victória Colpo; os vereadores Admar Pozzobom e Juliano Soares, além de servidores da Prefeitura, pessoas atendidas pela Associação Bem Viver, acompanhados de pais e responsáveis, diretoria da instituição e moradores do entorno da Praça Marechal Osvino Ferreira Alves.

ASSOCIAÇÃO BEM VIVER
– Atende pessoas com Síndrome de Down
– No momento, faz cadastro para novos associados, que serão atendidos conforme a possibilidade da instituição
– Contato: Facebook, Instagram ou WhatsApp (55) 99159-2979

Texto: Joyce Noronha (Mtb: 16.033)
Fotos: João Alves (Mtb: 17.922)
Secretaria de Comunicação
Prefeitura Municipal de Santa Maria

Fotos

Mais Notícias | Página Inicial